Google
 

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Schumacher Desiste de Substituir Massa

O heptacampeão mundial de fórmula 1 Michael Schumacher voltou atrás ontem na sua decisão de substituir Massa e, alegando problemas de saúde desistiu.

O alemão que havia sido chamado para a vaga de Felipe Massa na Ferrari após o grave acidente sofrido pelo brasileiro no dia 25 de julho no treino de classificação para o GP da Hungria, alegou que foi obrigado a desistir devido às dores no pescoço sentidas em decorrência de um acidente de moto que sofreu ao disputar o Superbike este ano.

"As consequências das contusões causadas pelo acidente de moto em fevereiro, as fraturas na área da cabeça e do pescoço, infelizmente se mostraram ainda muito severas", afirmou Schumacherem seu site.

Mesmo aposentado desde o Grande Prêmio do Brasil de 2006, o piloto alemão continuava ligado a F1 atuando como consultor da Ferrari.

Sem perder tempo, a Ferrari já anunciou o novo substituto de Felipe Massa na Ferrari: será o experiente piloto italiano Luca Badoer.

Badoer , 38 anos fez 49 corridas na F1 pelas equipes Scuderia Italia, Minardi e Forti, sem ter marcado nenhum ponto entre 1993 e 1999.

Ele foi escolhido devido aos muitos anos de esforços na Ferrari. Já que ele é piloto de testes da escuderia desde 1998 tendo participado em competições pela última vez em 1999, pela Minardi.

O presidente da Ferrari, Luca di Montezemolo, disse em um comunicado: "Lamento muito o problema que impediu a volta de Michael. Nos últimos dias, pude observar o seu grande esforço e a extraordinária motivação da equipe e dos fãs ao redor do mundo. Sem dúvida, a sua volta seria muito boa para a Fórmula 1. Eu gostaria de agradecê-lo pelo comprometimento demonstrado à equipe nessas circunstâncias",

Já Schumacher falou do seu esforço em tentar retornar ao automobilismo:"Eu realmente tentei fazer tudo para tornar esse retorno temporário possível, no entanto, para minha tristeza, isso não funcionou".

"Infelizmente, não conseguimos acabar com a dor no pescoço que senti depois do teste particular em Mugello, apesar dos esforços médicos", acrescentou o piloto, referindo-se ao único teste que fez em um carro de F1 desde que aceitou substituir Massa.

Montezomolo acrescentou:"Seu retorno certamente teria feito bem à Fórmula 1 e tenho certeza que veríamos ele lutando por vitórias outra vez. Quero agradecê-lo em nome da Ferrari e de todos os fãs pelo compromisso com a equipe que ele mostrou."


Via:
www.Terra.com
www.Uol.com.br

Aviso

Os textos e fotos deste blog somente poderão ser reproduzidos mediante autorização por escrito de seus autores. Se você encontrar aqui algum texto ou foto que esteja infringindo algum direito seu ou de outrem avise-nos deixando um comentário junto ao post que retiraremos assim que for constatada a irregularidade.